Magistrados argentinos que investigam subornos da Odebrecht embarcam para os EUA

Categoria: Acontece no Mundo , Criado em Terça, 11 Julho 2017 09:03 Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir E-mail

presidente cristina kirchner argentina 20120928 1 original1

Os juízes federais argentinos Sebastián Ramos, Marcelo Martínez De Giorgi, Daniel Rafecas e Sebastián Casanello, e os promotores federais Sergio Rodríguez e Franco Picardi viajam hoje (11) para os Estados Unidos. Eles integram uma delegação que investiga as denúncias de subornos pagos pela empreiteira brasileira Odebrecht na Argentina, para garantir a concessão de obras públicas durante o governo anterior, de Cristina Kirchner.


Eles vão se reunir com funcionários da Divisão Criminal do Departamento de Justiça, que é responsável por processar as violações à Foreing Corrupt Practices Act (Lei de Práticas Corruptas no Exterior) que criminaliza o suborno no exterior por empresas com base nos EUA.

Sobre o assunto, o ministro argentino da Justiça e Direitos Humanos, Germán Garavano, disse que os Estados Unidos têm "uma postura de cooperação muito forte com a Argentina", o que possibilitou o encontro dos magistrados argentinos com os membros do Departamento de Justiça norte-americanos.

 



Caete

Segundo Jornal Ademir de Carvalho e Zezé Oliveira são processados por contratações sem concurso

  Tramita no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) um processo por improbidade administrativa,...


Civil realiza operação em combate à criminalidade em Caeté e prende 4 suspeitos

Uma operação deflagrada pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em Caeté, na sexta-feira (15),...


Santuário comemora Dia de Nossa Senhora da Piedade nesta sexta

O Dia de Nossa Senhora da Piedade, 15 de setembro, é celebrado com uma programação especial no...


MORRO VERMELHO FESTEJOU SUA PADROEIRA PELA 313ª VEZ

A Festa de Nossa Senhora de Nazareth do Distrito de Morro Vermelho é uma das comemorações...