Alex volta atrás e pede a retirada da denuncia que falava em indícios de existência de uma organização criminosa na Câmara

Categoria: Cidade , Criado em Quinta, 05 Abril 2018 09:02 Escrito por VcNaNeT ,
Imprimir E-mail

alex magalhaes154

O Vereador, Alex Magalhães, protocolou nesta terça-feira (3) o ofício n° 11/2018 no qual manifesta sua desistência do pedido de apuração por meio de comissão especial da denuncia protocolada por ele no dia 06 de março contra os vereadores Adilson dos Santos Moreira/PDT, Guilherme Gustavo de Souza Rosa/PTB e José Raimundo Gomes/PPS onde entre outros o vereador acusava ter indícios de existência de uma organização criminosa no legislativo Caeteense.

No pedido que você confere abaixo, Alex esclarece que a desistência tem como motivação a sua conclusão que os fatos narrados na denuncia tem natureza de crime comum, e  em tese esse tipo de crime não seria competência do legislativo realizar a analise da denuncia. O vereador destaca ainda na peça que está a meditar a conveniência ou não de levar os fatos ao Ministério Público de Minas Gerais.

oficio alex retirada da denuncia

A reportagem procurou o vereador e fez algumas perguntas sobre as motivações sobre a retirada da denuncia, contudo até o fechamento da reportagem o vereador ainda não tinha respondido. Já os vereadores denunciados na peça preferiram não se manifestar.

Um morador falou a reportagem de maneira anônima sobre o caso. Ele argumentou que nunca teve duvida que o vereador Alex Magalhães voltaria atrás, pois via que os denunciados estavam muito tranquilos quanto ao processo, mas principalmente pela falta de apresentação do áudio da conversa pelo vereador denunciante. Para o morador o fato do vereador não ir até o fim no processo mostra que a fala de Adilson que tão denuncia era uma fraude montada é procedente.